top of page
marca_NCDF.png

*texto descritivo*

banner_NCDF.png

No Caminho do Farol é um projeto do Casa d’Arte junto ao Instituto Maranhão Sustentável, para desenvolver atividades sociopedagógicas e culturais para produção, exposição e fruição de bens culturais e históricos na região da Ilha do Maranhão, oferecendo à comunidade oportunidades de entretenimento através de múltiplas linguagens artísticas e informação.

No Caminho do Farol Virtual - 2020

No ápice da urgência por isolamento social, fizemos um convite: vamos juntos #nocaminhodofarolvirtual, manter uma corrente de arte, afeto e positividade? Demos um pontapé inicial postando desafios nas redes com a nossa hashtag e compomos a edição final para jogarmos nosso movimento de arte e de afeto maranhense pro mundo. 

 

Promovemos leitura, atividades teatrais, música, contação de histórias e celebramos memórias dos povos originários. Um respiro em meio a um mundo em quarentena.

Videos

Desafio #1: Oração Latina 

Desafio #2 - Leituras teatrais

Desafio #3 - Declamação de canções

Desafio #4 - "O mundo fantástico das histórias de criança"

Desafio #5 - Vamos homenagear os povos indígenas?

No Caminho do Farol 2022 - Edição FUNARTE

100 anos depois de uma semana que transformou a arte nacional, seguimos em resistência. A edição do No Caminho do Farol apoiada pela Funarte veio para celebrar a arte e cultura autênticas em múltiplas linguagens, formatos e atividades sociocriativas em Raposa (MA). 

Em dez dias de eventos celebramos o Maranhão antropofágico com espetáculos musicais, teatrais e literários alem de dança, rodas de conversa, vivências e atividades formativas.

 

O evento foi uma veradeira celebração em um contexto pós pandêmico que o fez ainda mais especial, a arte fez morada em sua casa. Durante o período do evento compareceram xx artistas e xx participantes em diversas atividades.

Registros

Enaltecemos memória e valorizamos conhecimentos com o Encontro de Saberes Ancestrais do Ritual à Festa sobre os saberes ancestrais da Ilha, reunindo artistas, mestras, brincantes da cultura popular e todo um universo de gente que pulsa nossa Ancestralidade em múltiplos meios e formas.

Registros

Videos

Manifesto Tupinambá por Celso Borges

bottom of page